O que fazer quando se tem um pet muito medroso em casa?

Quando possuir um exemplar de um “Cão Coragem” em sua casa é preciso tomar alguns cuidados para que a vida dele não se transforme em uma verdadeira caminhada de tristeza animal. Gatos e cachorros podem muito se parecer com o cachorrinho mais medroso dos desenhos animados, e por isso, o Fareja Pet reuniu algumas dicas, oferecidas pelo veterinário Marcos Eduardo, para te ajudar a aliviar a tensão dos seus companheiros amedrontados.

Quando o animal é medroso, e se ele morre de medo de trovões e fogos, ponha algodão nos ouvidos nos momentos mais críticos. Evite gritar, bater porta ou fazer qualquer outro barulho mais forte. Se a família estiver aguardando a chegada de um bebê, mostre ao animal as roupinhas e a barriga da futura mamãe para que ele se acostume com a ideia e não se sinta preterido, recomenda o veterinário. Evite deixá-los em locais estranhos, como hotéis, e leve-o sempre ao mesmo pet shop. Por fim, passear no mínimo duas vezes por dia é uma tarefa fundamental para ir diminuindo os medos do seu pet.

É preciso que os donos fiquem sempre alerta quanto aos sintomas de alterações emocionais no animal. Elencamos alguns sintomas que podem ser observados no dia-a-dia dos cães e gatos.
Tremor
Agitação
Tristeza
Apatia
Agressividade
Vômito
Diarreia
Inapetência
Coceira
Sono excessivo
Morder patas e/ou unhas e arrancar os pelos
Esconder-se em um canto da casa
Taquicardia
Bocejos em excesso
Respiração ofegante
Os gatos urinam e defecam fora do tanque de areia

 

 

Fonte: http://abr.ai/1gwHyL9

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *