Castração de cachorro : conheça os principais benefícios!

em

A castração de cachorro e de cadela é uma cirurgia que remove o útero e os ovários das fêmeas e os testículos dos machos. Sem dúvida, é uma das medidas mais eficazes para o controle populacional e traz benefícios para os animais.

É um procedimento seguro e muito comum mas ainda enfrenta alguns preconceitos principalmente quando se trata da castração de machos.

Para a SAÚDE:  8 principais benefícios da castração de cachorro.

castração de cachorro
  1. Castração elimina o risco da piometra em cadelas: As fêmeas castradas não ficam mais vulneráveis a infecções uterinas graves como a piometra uma vez que o seu aparelho reprodutor é removido durante o procedimento . Também reduz os riscos de tumores em útero e ovários.

2. Castração reduz o risco de câncer de mama em cadelas: Quanto mais cedo for feita a castração de cachorro , melhor. 99% das cadelas castradas antes do primeiro cio não desenvolvem a doença.

3. Castração de cachorro elimina tumores testiculares: Existem vários tipos de tumores diferentes, benignos e malignos que surgem dentro dos testículos. Tal como acontece com a maioria dos tumores, estes geralmente não são percebidos até que o animal atinja 5 ou mais anos de idade. Eles podem ser evitados nos machos castrados na idade recomendada.

4. Aprimoramento genético: Cães portadores de uma característica genética prejudicial como a displasia do quadril ou a epilepsia devem ser castrados. A castração evita a propagação ou continuação de doenças graves.

5. Castração de cachorro reduz hérnia perineal: Hérnia é quando, por algum motivo, a musculatura se “abre” e deixa passar parte do órgão interno. Hérnia Perineal é o caso em que ocorre um deslocamento de órgãos como bexiga, intestino, próstata ou gordura para a região perineal por causa de um rompimento ou enfraquecimento dos músculos que fecham o diafragma pélvico. Este tipo de hérnia é muito mais comum em cães machos mais velhos. Os níveis de testosterona e outros hormônios parecem relaxar ou enfraquecer o grupo de músculos perto do ânus. Quando o animal se esforça para defecar ou urinar, os músculos enfraquecidos se quebram e os órgãos abdominais e a gordura se projetam sob a pele.

Em raças de pelos curtos, esta protuberância é percebida pelo dono quase que imediatamente, mas nos cachorros de pelos longos o problema pode continuar por meses antes de alguém perceber. Se a hérnia não for tratada esses órgãos podem ficar incapazes de funcionar ou o animal pode até morrer por perda de suprimento de sangue. Além disso, devido ao deslocamento de órgãos nesta área o animal pode não ser capaz de defecar ou urinar corretamente ou completamente e pode ficar constipado ou com incontinência urinária. A cirurgia para reparar esta condição não é simples e hoje pode custar muito caro, dependendo da gravidade.

6. Castração de cachorro reduz tumores perianais: Existem tumores cujo crescimento é estimulado pela testosterona. Estes ocorrem perto do ânus e são chamados adenomas perianais (benignos) ou adenocarcinomas perianais (malignos). Tal como acontece com as hérnias, geralmente não ocorrem após o cachorro ter pelo menos 7 anos de idade. O tratamento é feito com procedimento cirúrgico e deve ser realizado no início do desenvolvimento para evitar a recorrência. Estes tumores e essa hérnia são muito raros nos aminais castradas aos 7 a 8 meses de idade.

7. Castração de cachorro reduz o câncer de próstata: Os problemas médicos mais comuns eliminados em cães castrados em idade precoce são aqueles que envolvem a próstata . Mais de 80% de todos os cães não castrados desenvolvem doença da próstata.

8. Castração de cachorro aumenta a expectativa de vida: Estudos recentes revelam que a expectativa de vida dos cães castrados é maior do que para não castrados. As cadelas, em geral, vivem aproximadamente 26% a mais e os machos ganham em torno de 14% a mais no tempo de vida.

Saiba mais: Castração de cães e gatos sem culpa

Para o COMPORTAMENTO:  4 principais benefícios da castração de cachorro .

castração de cachorro
  1. Castração diminui a agressividade dos cães: uma das vantagens comportamentais mais importantes da castração de cachorro é que, como adultos, esses cães tenderão a ser menos agressivos tanto para outros cães quanto para pessoas.

2. Diminui as “saídas” dos cães: uma segunda vantagem comportamental é que esses cães não “vagam” quando sentem uma fêmea no cio. Os machos podem sentir as fêmeas no cio através de feromonas – atrativos químicos no ar que são liberados pela fêmea quando está no cio.

3. Castração diminui marcação de território pelos cães: No macho, diminuem a marcação de território através da urina e a mania de montar. Para o cão de guarda será ainda melhor, pois ele vai se preocupar menos com cachorras no cio, concentrando sua atenção na casa e na família.

4. Cadelas castradas não tem sangramento: Como elas não entram mais no cio após a castração, poupam os seus donos de lidar com o sangramento e com possíveis cães de rua importunando.

Idade mínima para castração de cachorro

castração de cachorro

Recomenda-se que a castração de cachorro seja feita quando o cão ainda é jovem, com aproximadamente 1 ano de idade no caso dos machos e antes de ocorrer o primeiro cio no caso das fêmeas.

Quanto mais velho for o animal, o procedimento também se torna mais complicado e, por consequência, resulta em maiores custos. Na maioria dos países que incentivam a castração de cachorro, o recomendado é que seja feita entre 6 e 9 meses de idade.

Cuidados pós castração de cachorro

castração de cachorro

O Veterinário, com certeza, recomendará os devidos cuidados e prescreverá antibiótico e analgésico que devem ser dados de acordo com a receita para evitar infecções.

Colar elisabetano: É aquele colar branco ou transparente que fica ao redor da cabeça do cão. O seu uso é essencial para impedir que o animal retire a sutura com a boca. Se ele abrir os pontos terá que voltar para a cirurgia.

Fontes de informação: Royalcanindobrasil   estadao.com.br